Prémios 

Site em construção

Prémio ITQI 2016

 

Desde 2006 Rui Simeão submete os seus produtos a este instituto internacional de qualidade e sabor sediado na Bélgica- Bruxelas de seu nome International Taste & Quality Institute (iTQi) onde vários chefes de renome atestam a qualidade dos diversos produtos submetidos. Os nossos produtos (Sal / Flor de Sal de Tavira DOP) são testado desde há 10 anos recebendo uma classificação de duas estrelas de qualidade 87,9 % de qualidade sendo o máximo prémio 3 estrelas (>90 % qualidade). Desde há 10 anos a qualidade do produto é excepcional e não se tem alterado.

 

 

Prémio ITQI 2013

 

No ano de 2013, os produtos Sal e Flor de Sal foram premiados novamente com duas estrelas pelo juri do ITQI, indicador que a qualidade ao longo dos anos é mantida: 2006 a 2011 e 2013.

 

 

 

 

Prémio Aurum-Produtor Artesanal Tradicional Europeu 2012

 

 "Traditional European Artisan Producer" 2012

 

 

No seguimento do X Congresso Ceuco (Congresso Europeu de Confrarias Enogastronómicas) realizado em Tartu- Estónia - Rui Simeão foi distinguido com um prémio AURUM - Traditional European Artisan Producer 2012 com os Produtos Flor de Sal e Sal artesanal.

 

 

 

 

 

 

Prémio ITQI 2011

 

 

 

 

 The iTQi Superior Taste Award is a unique international recognition of taste quality. It certifies that the awarded consumer food and drink products have met or exceeded the taste quality expectations of iTQi juries composed by 120 top European Chefs, Sommeliers and beverage experts. The products are tested blind on their own merits following a strict sensory analysis process that guarantees total neutrality.

 

                                                        (clique para aceder)

 

 

 

No ano de 2011, os produtos Sal e Flor de Sal foram premiados novamente com duas estrelas pelo juri do ITQI. Sendo este o 6º ano consecutivo que o nosso produto recebe tal distinção. De 906 produtos de todo o mundo analisados,  apenas 661 foram premiados, destes 381 receberam a mesma qualificação que os nossos produtos.  

 

 Link para verificarem os testes feitos aos produtos:

http://www.youtube.com/watch?v=yY6HH-aCAto&feature=player_detailpage

 

 

 

 

Gallo de Ouro do 90º Aniversário do Azeite Gallo 

 

 

Em 2009, Rui Simeão foi premiado com um gallo de ouro da "Flor mais Linda" ( prémio atribuída à Flor de Sal) pelo azeite GALLO na sequência das comemorações dos 90 anos da marca. Este prémio foi atribuído por altas personalidades da sociedade que nomearam 90 empresas que mais se destacaram nos últimos anos mas só as 10 melhores “Experiências Gastronómicas de Excelência” tiveram direito ao prémio.

 

 

 

 

 

 

 

Prémio ITQI desde 2006 a 2010  

 

 

O Júri do ITQI atribuíu em Maio de 2006, ao produto Flor de Sal, a classificação de 2 estrelas. Este jurado é formado por alguns membros das seguintes entidades: Academia Francesa de Culinária, Master-Chefs de França, Master-Chefs da Bélgica, Federação de Chefes de Itália, Euro-.Toques, Academia Espanhola de Gastronomia, Associação Alemã de Chefes (VKD), Young Restaurateurs da Europa (JRE) e Associação Internacional de Sommellerie (ASI).

 

Este prestigiado instituto (ITQI), escolheu o produto, Flor de Sal, colocando-o na brochura de promoção e inscrição para o ano de 2007, como sendo um dos produtos de referência. (ver www.itqi.org)

 

Em Abril de 2007, o produto Flor de Sal ganhou, pela 2ª vez, o prémio de duas estrelas, mas a mesma classificação foi alcançada, também, pelo produto Sal Tradicional. Deste então, ambos os produtos têm passado este teste de qualidade com distinção, sendo sempre premiados com duas estrelas. O prémio mais recente foi em 2010.

(http://www.itqi.com/pt/awarded-products/awarded-products-2009.html)

 

 

Prémio Produto Agro-Alimentar do Algarve 2009 

 

    Em 2009 a Confraria dos Gastrónomos do Algarve, galardoou os produtos de Rui Simeão Tavira Sal com o prémio Produto Agro-alimentar do Algarve. A distinção foi atribuída pela qualidade e pela visibilidade que este produto de excelência proporciona ao Algarve gastronómico.

 

 

 

Prémio Produto Favorito do Juri 2004 Biofac

 

Este produtor foi premiado na Feira BioFach, em Nuremberg, Alemanha, com o produto “Favorito dos Júris” no concurso realizado em 2004 (eram 5 júris cada um do seu ramo). Nestes concursos, “não há amigos nem conhecidos que nos levem pela mão”. Esta marca registada, aguarda por uma Denominação de Origem Protegida para a sua produção, tendo sido esta já requerida desde inícios de 2004, com alterações feitas em 2007 que satisfaziam e continuam a satisfazer de acordo com a nova Portaria nº 72/2008 de 23 de Janeiro, já publicada, que define as normas técnicas, as características e as condições a observar na produção, valorização e comercialização do sal alimentar da forma Tal & Qual, com a apresentação de um caderno de normas internas de produção e qualidade, da autoria deste produtor, entregue na Direcção Geral de Pescas e Aquicultura (Ministério da Agricultura do Desenvolvimento Rural e das Pescas). Logo de imediato, este departamento governamental deu andamento ao processo junto do Instituto da Propriedade Industrial, onde se encontra a aguardar despacho final, e agora no Ministério da Agricultura e Pescas. Esta marca registada, este produtor em nome individual, também, produz sal de extracção mecânica numa salina, trabalhada em situação de arrendamento, com cerca de 25 hectares e com uma produção média anual de 2000 toneladas. Produção esta, destinada a industria diversas que não carecem de sal alimentar de 1ª qualidade.

Esta Flor de Sal e o Sal Tradicional, foram escolhidos na feira do SIAL, em França, em Outubro 2006, (havendo lá Sal e Flor de Sal de todas as proveniências, inclusivé do Algarve) pelos Chefes de cozinha do Euro-Toques, para representar um stand, organizado pelo próprio SIAL, intitulado de “La cuisine du Sial”, como se poderá ver nas figuras seguintes.

Esta Flor de Sal e Sal Tradicional são utilizados, na confecção de receitas, pelos Chefes de Cozinha Nacional, Chefe Michel da Costa e Chefe Hélio Loureiro, e algumas foram cedidas para promoção dos produtos. Todas as receitas e conselhos, cedidos pelos Chefes são gratuitos, pela qualidade dos produtos e pela consideração que têm a este produtor.

 

RUI FRANCISCO NEVES DIAS foi considerado pelo Rotário Clube de Tavira o Empresário do ano, em 2005, associação da qual não é membro.

Foi conferencista da Slow-Food, correlacionando os benefícios ambientais trazidos pela manutenção das salinas.

Em 2006, a Associação Portuguesa das Mulheres Empresárias (APME) nomearam Rui Francisco Neves Dias como um dos Empresário do Ano, o qual participou no “II Fórum Empresarial das Mulheres Portuguesas” como orador.

 

 

 

 

NOTA: AS FOTOGRAFIAS APRESENTADAS SÃO DAS SALINAS E DOS COLABORADORES DESTE PRODUTOR, FOTOGRAFADAS POR ELE NA SUA PROPRIEDADE. SE JÁ AS VIU EM BROCHURAS, SITES OU OUTROS MEIOS de PROMOÇÃO DE OUTRA EMPRESA, É ABUSO DE CONFIANÇA SEM ALGUM TIPO DE AUTORIZAÇÃO, À EXCEPÇÃO DE EMPRESAS ONDE O PRODUTO SE ENCONTRA À VENDA.